//
you're reading...
Opinião

Vergonha do Espelho


Este final de semana fui almoçar com a minha esposa e familiares em um shopping da região e fui abordado por um Sr. e sua filha que me pediram para lhes pagar um almoço. O primeiro pensamento que tive foi “Caramba, até aqui?” e o segundo foi de olhar em volta e ver que tinha muita gente comendo ali naquela praça de alimentação e aqueles dois passando fome…Na hora me levantei e fui com eles até um restaurante comprar dois pratos de comida.

Mas notei que eu tinha enorme dificuldade em olhar para eles, é claro que os dois tinham vergonha de falar comigo ou olhar pra mim, o que é compreensível, mas eu não conseguir fixar meus olhos nos deles me era estranho…Eu os estava ajudando, então deveria estar contente. Eu estava fazendo minha parte!!!!

Para deixar clara a situação para o leitor, eu pedi a eles que escolhessem seus pratos no cardápio e não consegui perguntar se eles queriam algo para beber, apenas paguei a conta, entreguei a comanda a este Sr. e voltei para a minha mesa.

Horas depois eu parei para meditar e refletir porque eu havia ficado tão incomodado com aquela situação e consegui a resposta…

Tive vergonha de olhar para ele e me ver no espelho….Um reflexo claro da minha inaptidão em fazer mais, ajudar mais e proteger aqueles que não podem falar por si mesmos, por que ninguém os escuta. Eles eram a face da minha derrota.

Há pouca coisa mais bizarra neste mundo do que a fome. Nós esbanjamos, desperdiçamos comida e muita gente passa fome…E não há como dizer que faltam alimentos. Falta vontade a todos nós para resolver o problema.

Existem muitas maneiras de ajudar, uns podem mais e outros menos, mas todos podemos alguma coisa. Não dá pra ignorarmos o problema, por que ele vai bater na nossa porta.

Precisamos ajudar esta gente, fazer mais e melhor para evitar que estas tragédias onde uma pessoa passa fome dentro de uma praça de alimentação voltem a ocorrer.

Eu não sei se vocês farão algo, eu com certeza irei. Comecei por aqui e vou continuar.

Por que não quero mais me olhar no espelho e sentir vergonha.

Bom dia a todos.

Advertisements

About Alexandre Cezar

A 39 years old Brazilian guy, married and happy. Looking to share ideas, discuss and improve them for who knows make this world a better one.

Discussion

No comments yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s

April 2010
M T W T F S S
« Mar   May »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Insira seu endereço de email para receber atualizações do Blog automaticamente por email.

Join 95 other followers

%d bloggers like this: